Agemcamp - http://www.agemcamp.sp.gov.br

Americana planeja mais investimentos na Saúde

A Prefeitura de Americana planeja para 2019 uma série de novos investimentos para qualificar o atendimento em saúde na cidade, em cumprimento a uma das principais diretrizes do governo Omar Najar (MDB). A aquisição de equipamentos para o Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”, com recursos de R$ 5 milhões (US$ 1,35 milhão) do Governo Federal, está em processo licitatório. Já as obras do novo PS (pronto-socorro) do hospital devem ser concluídas no início do segundo semestre. Além deste recurso, anunciado em entrevista coletiva pelo prefeito e pelo secretário de Saúde Gleberson Miano, outros R$ 500 mil (US$ 135,1 mil) foram depositados nas contas da pasta para o custeio das despesas do hospital.

Estes valores destinados a procedimentos de média e alta complexidade serão direcionados para a realização de cirurgias dermatológicas, principalmente relacionadas ao câncer de pele, e para cirurgias ortopédicas, segundo o secretário. “O setor de planejamento está aguardando finalizar o processo de licitação para iniciar os agendamentos”, garantiu o chefe da pasta. A meta da Secretaria de Saúde é a de zerar a fila de dois mil exames com o novo aparelho de ultrassom, que chegou ao HM em 22 de janeiro.

No último dia 24, a equipe médica do hospital participou do treinamento para aprender a manusear o aparelho de ultrassonografia modelo FT 422, da marca Saevo. De acordo com a administração do hospital, o novo equipamento vai permitir a conclusão mais rápida de diagnósticos e a ampliação dos tipos de exames, sem a necessidade de deslocamento dos pacientes da UTI para o Núcleo de Especialidades. Poderão ser feitos ultrassons do abdome, pélvico, próstata, supra-renais, obstétrico, mamas, ortopedia, rins, bexiga, transvaginal, tórax, tireóide e partes moles.

O secretário informou ainda, por meio de assessoria de imprensa, que as cirurgias eletivas estão sendo retomadas gradativamente, após os ajustes no contrato com a empresa que atualmente fornece médicos ao hospital, bem como os ajustes financeiros da prefeitura. O atendimento em saúde também foi reforçado com a chegada de duas ambulâncias tipo furgonetas, para uso do transporte social da secretaria, e três veículos Renault Sandero para a Atenção Básica, que deve ganhar 10 novos médicos para reduzir a fila de espera por consultas nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde).

A Secretaria fez o pedido para a contratação de novos profissionais e a solicitação está sob análise orçamentária. A rede básica ainda deve ganhar em 2019 duas novas UBSs nos bairros São Vito, em substituição ao prédio atual, e no São Luiz, onde a unidade funciona em imóvel alugado. Reduzir os gastos com aluguéis também é uma das metas da administração, de acordo com o secretário.