RMC terá plano regional de resíduos sólidos

Imprimir   |   Enviar por e-mail

Presidente Benjamim Bill assina protocolo juntamente com o assessor Luigi Longo e Secretário Edmur Mesquita

Presidente Benjamim Bill assina protocolo juntamente com o assessor Luigi Longo e Secretário Edmur Mesquita

      A Região Metropolitana de Campinas está dando um importante passo na questão ambiental. Em reunião realizada no dia 19 de abril, em Campinas, os membros do Conselho de Desenvolvimento celebraram o ato de assinatura do protocolo de intenções visando a elaboração do Programa de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos. O documento foi assinado pelo Presidente do Conselho e Prefeito de Nova Odessa – Benjamim Bill, o Subsecretário de Assuntos Metropolitanos – Dr. Edmur Mesquita e o assessor para Consórcios e Concessões da Secretaria de Estado do Meio Ambiente – Sr. Luigi Longo.

      De acordo com o Presidente Benjamim Bill, a realização do plano regional vai ao encontro da Política Nacional de Resíduos Sólidos e será alinhado ao Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI), já que a destinação de resíduos sólidos também é item fundamental para a elaboração do PDUI.

      O assessor da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Luigi Longo, informa que para cumprir os critérios da política nacional a Secretaria criou o Programa de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (GIRS), e ressalta que o Governo do Estado financiará projetos ambientais nas regiões metropolitanas que elaborarem seus planos regionalizados. “O Plano deve abranger todo tipo de resíduos, como da construção civil, pó de capina, resíduo domiciliar, industrial, entre outros tipos, e dar uma solução correta e viável tanto no processo de coleta, transporte, tratamento e disposição final”, explica.

      A Diretora Executiva da Agemcamp – Ester Viana, reforça que a assinatura do protocolo é celebrada pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio das Secretarias de Meio Ambiente, Casa Civil, Subsecretaria de Assuntos Metropolitanos e o Conselho de Desenvolvimento Metropolitano, composto por 20 municípios. Para o Subsecretário de Assuntos Metropolitanos – Edmur Mesquita, “o plano é fundamental para o Meio Ambiente e para todos os municípios da RMC”. “A integração entre os municípios e o Estado dá início a um processo de mudança nas tratativas da questão dos resíduos sólidos”, ressalta Edmur Mesquita.

 

Assessor Luigi Longo explica aos membros do Conselho as diretrizes do Plano Regional de Resíduos Sólidos

Assessor Luigi Longo explica aos membros do Conselho as diretrizes do Plano Regional de Resíduos Sólidos


Mesa diretora do Conselho de Desenvolvimento da RMC

Mesa diretora do Conselho de Desenvolvimento da RMC

 



http://www.agemcamp.sp.gov.br/wp-content/plugins/wp-accessibility/toolbar/css/a11y-contrast.css