Expoflora estima receber 300 mil turistas

Imprimir   |   Enviar por e-mail

Começa hoje em Holambra, a 35ª edição da Expoflora, a maior exposição de flores e plantas da América Latina. Cerca de 400 produtores participam do evento, que este ano recebeu um investimento de cerca de R$ 4,3 milhões (US$ 1,3 milhão). A expectativa dos organizadores é que 300 mil pessoas passem pelo local durante o evento, que vai até o dia 25 de setembro. Neste ano, além dos dias tradicionais (sexta, sábado e domingo) a exposição também estará aberta no feriado do dia 7 de setembro e no dia 8, sempre das 9h às 19h.

Apesar de o País estar passando por crise financeira, o crescimento previsto é estimado entre 6% e 8%, em relação ao ano passado. O faturamento do setor deve atingir R$ 6,65 bilhões (US$ 2,1 bilhões). Foram geradas 1,8 mil vagas diretas de emprego e cinco mil indiretas. “A gente espera um público muito bom. Famílias podem passar o dia aqui, nós temos comida típica da Holanda, são cinco praças de alimentação”, disse o embaixador da festa, Piet Schoemaker, que há 33 anos anima a exposição.

Uma das grandes novidades é o lançamento de flores e plantas ornamentais, que estão cada vez mais duráveis, produtivas e resistentes a doenças e ao clima. Entre as novidades estão as rosas que trazem um botão e até quatro brotos na mesma haste. As petúnias com detalhes em formato de coração, crisântemo branco com flores quase duas vezes maiores que as convencionais, também devem conquistar o público.

Já a Mostra de Paisagismo, que está na 12ª edição, traz tecnologias que permitem plantas com pouca ou nenhuma rega. O tema escolhido é “Cultivar de Coração”. Andando pela mostra é possível ver todos os cômodos de uma casa com flores e plantas, inclusive os quartos e banheiros. A ideia é mostrar que é possível transformar a casa em um lugar mais confortável e bonito.

Quem passar pela Expoflora terá a sensação de estar caminhando pelas ruas da Holanda. Dois painéis do parque Keukenhof estarão expostos para fotos, levando o público a uma viagem ao maior jardim do mundo. Os jardins interativos também estão presentes, onde todos podem sentar e apreciar o jardim de rosas com 15 diferentes variedades nas cores vermelha, amarela e rosa. A tradicional chuva de pétalas está marcada para acontecer durante todos os dias da exposição, às 16h30. Cerca de 150kg de pétalas (18 mil botões despetalados) são usados para atração, que é uma das mais esperadas da exposição. Além da chuva, nesta edição é possível levar para casa pétalas em forma de bolachinhas.

Outra novidade é um ganache de frutas vermelhas, que tem formato de um botão de rosa e recebeu o nome de “Bloem Berry Roos”. Todos os dias, às 14h30, os visitantes podem assistir aos grupos de danças típicas holandesas, nos quatro palcos montados na exposição. As famílias também podem visitar o Museu Histórico de Holambra que tem entrada gratuita e conta toda a história da imigração e colonização holandesa. A exposição é montada em um espaço de 250 mil metros quadrados e o público contará com 16 lanchonetes e sete restaurantes. Já para a exposição de flores, foram reservados 750 metros quadrados. A Expoflora deve movimentar entre R$ 22 milhões e R$ 24 milhões (US$ 6,9 milhões e US$ 7,5 milhões), nas cidades vizinhas.

 

Serviço

35ª Expoflora – Holambra

Data: 26 de agosto a 25 de setembro, de sexta a domingo, e nos dias 7 e 8 de setembro (feriado da Independência)

Horário: das 9 às 19 horas

Ingressos: R$ 42,00 (US$ 13,1) na bilheteria ou pelos representantes (veja a lista em www.expoflora.com.br) e pela internet – www.ingressorapido.com.br

Informações para o público: (19) 3802-1421 e expoflora@expoflora.com.br



http://www.agemcamp.sp.gov.br/wp-content/plugins/wp-accessibility/toolbar/css/a11y-contrast.css