Diminuir o Tamanho da Letra Aumentar o Tamanho da Letra Dar Contraste / Retirar Contraste

Brasil: Índice de Preços ao Consumidor (IPCA) de agosto

Pelos dados obtidos junto ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de agosto apresentou deflação de 0,09%.

A taxa é a menor do Índice para os meses de agosto desde 1998, quando a queda foi de 0,51%. Vale lembrar que a última variação negativa foi em junho de 2017 (- 0,23%).

Nesse sentido, o Observatório Metropolitano do Indicadores da RMC (OMI/RMC) coletou dados referentes ao Índice em 2018.

IPCA agosto 2018

Considerando os meses de janeiro a agosto, o acumulado é da ordem de 2,85% positivo.

Os setores de Alimentação e Bebidas (-0,34%), bem como de Transportes (-1,22%), destacando-se o etanol (-4,69%) e a gasolina (-1,45%), foram os que mais contribuíram para a deflação no período.

Os demais setores apresentaram variações positivas relativamente pequenas, tais como: Habitação (+0,44%), Artigos de Residência (+0,56%), Vestuário (+0,19%), Saúde e Cuidados Pessoais (+0,53%), Despesas Pessoais (+0,36%) Educação (+0,25%), Comunicação (+0,03%), entre outros.



(06/09/2018)

 
©OMI - Observatório Metropolitano - Todos os direitos reservados 2010