Projetos elevam capital de duas empresas mistas em Campinas

Imprimir   |   Enviar por e-mail

A Câmara de Campinas vota nesta segunda-feira dois projetos que preveem a transferência de R$ 27,2 milhões (US$ 8,3 milhões) de bens da Prefeitura para a administração indireta. Um deles destina R$ 4 milhões (US$ 1,2 milhão) para Companhia de Desenvolvimento do Polo de Alta Tecnologia de Campinas (Ciatec) e o outro R$ 23,2 milhões (US$ 7,1 milhões) para Informática de Municípios Associados (IMA). As propostas foram encaminhadas em regime de urgência pelo prefeito Jonas Donizette (PSB).

De acordo com o projeto, para a Ciatec é previsto um aumento de R$ 4 milhões (US$ 1,2 milhão) em capital financeiro. A justificativa é “viabilizar o aprimoramento da gestão dos polos de alta tecnologia instalados no Município, o fortalecimento das ações voltadas à promoção do empreendedorismo e da inovação e investimentos na sede da empresa e instalação de empresas incubadas”. O prédio que abriga a nova sede, destinada para a área administrativa, fica no bairro Vila Nova São José e com uma área de quase dois mil metros quadrados que fica na Rua Serra do Mirante. A Ciatec reúne mais de 14 novas empresas de tecnologia.

Já a Informática para a IMA está prevista a transferência de R$ 23,2 milhões (US$ 7,1 milhões) em bens intangíveis (não financeiros e sem forma física) para aumento do capital da empresa de capital misto, que tem como principal acionista a Prefeitura de Campinas. Se aprovada e sancionada a iniciativa, serão transferidos 51 softwares pertencentes à administração direta.



http://www.agemcamp.sp.gov.br/wp-content/plugins/wp-accessibility/toolbar/css/a11y-contrast.css