Sanasa inaugura novo reservatório de água

Imprimir   |   Enviar por e-mail

Um novo reservatório de água potável, no Jardim Nova Europa, deverá garantir o fornecimento de água para 27 mil moradores de mais oito bairros da região em caso de desabastecimento na cidade. A ordem de serviço para a construção da torre foi dada no início de 2015, e terça-feira o reservatório foi oficialmente entregue. A capacidade de armazenamento é de dois milhões de litros.

De acordo com a Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento (Sanasa), além do Nova Europa, os bairros Jardim do Trevo, Icaraí, Stella e Noêmia, Vila Campos Sales, Parque da Figueira, Parque Carvalho de Moura e Parque São Martinho serão beneficiados pela obra. Este é o quarto reservatório entregue pela Sanasa este ano, o que, de acordo com a autarquia, aumentou de seis para oito horas a autonomia em caso de escassez.

O presidente da Sanasa, Arly de Lara Romêo, explica que o objetivo da construção dos reservatórios é aumentar a segurança hídrica da cidade. “O material utilizado é uma tecnologia de ponta. É aço vitrificado importado da Inglaterra e, por ter alta durabilidade, vai gerar menos custos de manutenção, o que representa economia para a Prefeitura a longo prazo”. A torre custou mais de R$ 2,6 milhões (US$ 802,5 mil), sendo 89% do valor custeados pela Caixa Econômica Federal, e o restante pelo Município. A obra foi feita pelas empresas Fluid Brasil e Ediza Incorporação.

Em agosto deste ano, os bairros Jardim São Vicente, João Erbolato e Vila 31 de Março passaram a contar com reservatórios que, somados ao do Nova Europa, totalizam cerca de 10,5 mil litros de água estocados. Para atingir a marca de 70 reservatórios na cidade e autonomia de dez horas em casos de falta d’água, ainda estão em construção outras duas torres, uma na região do Distrito Industrial de Campinas (DIC) e no bairro San Conrado, em Sousas.



http://www.agemcamp.sp.gov.br/wp-content/plugins/wp-accessibility/toolbar/css/a11y-contrast.css