São Martinho e Raízen confirmam compra de canaviais da Usina Furlan

Imprimir   |   Enviar por e-mail

A São Martinho e a Raízen Energia confirmaram na noite desta quinta-feira ao mercado, em diferentes comunicados, a assinatura de contratos para aquisição, em conjunto, dos ativos biológicos da Usina Açucareira Furlan S.A. relativos à planta de Santa Bárbara D’Oeste (SP).

Raízen e São Martinho assumirão os contratos agrícolas e de fornecimento que totalizam aproximadamente 1 milhão de toneladas de cana-de-açúcar na região (cerca de 70% cana própria e 30% cana de terceiros). Os contratos preveem que São Martinho e Raízen assumirão, respectivamente, um terço e dois terços desse volume de cana.

O valor da transação é de R$ 118 milhões (US$ 30 milhões), que serão pagos proporcionalmente pela São Martinho e pela Raízen, segundo os comunicados.

A São Martinho informou que vai processar a sua parcela de cana na Usina Iracema, localizada em Iracemápolis (SP). Assim, a Iracema, que tem capacidade anual de para moer 3 milhões de toneladas de cana, terá a capacidade ampliada para 3,5 milhões de tonelada.

De acordo com a São Martinho, os investimentos industriais e agrícolas para ampliar a moagem e absorver todo o canavial somam R$ 12,4 milhões (US$ 3 milhões).

Esses investimentos, segundo a empresa, permitirão aumentar a produção por safra em até 30 mil toneladas de açúcar ou 30 mil metros cúbicos de etanol, além de adicionais 18 mil MWh de energia.



http://www.agemcamp.sp.gov.br/wp-content/plugins/wp-accessibility/toolbar/css/a11y-contrast.css